Loading
Loading

“O Escrever de um Livro” por Sérgio Silva

Sérgio Silva

Depois de dar o meu testemunho de vida num meio de comunicação social e posteriormente numa simples conversa de café, começou-se a entranhar dentro de mim algo de incrível que nunca imaginei que fosse causar um impacto tão grande na minha vida. Nessa altura, criei um blog, onde escrevia artigos sobre o autismo sensibilizando gerações mais novas e mais velhas e o feedback que recebia em relação à minha escrita era bastante positiva.

Mesmo assim, estava longe de imaginar que ia aceitar o grande desafio que me tinha proposto uma grande amiga minha, ou seja, escrever uma autobiografia. A princípio recusei, porque não tinha grande capacidade ou paciência para o desafio em questão.

 Confesso que ainda mostrei algumas reticências quanto a construir este projeto sozinho. Sozinho como que diz contando sempre com o apoio incondicional de muita gente. Após muita insistência da minha parte e de algumas tentativas falhadas acabei por durante uns anos pôr essa ideia de parte.

Depois de voltar novamente a reescrever e não ter ficado satisfeito com o resultado já um tanto ou quanto desanimado, surgiu em conversa com uma amiga que se disponibilizou para me ajudar no sentido de estruturar ideias e melhoramento na expressão escrita.

Após alguns anos percebi que esta é a forma mais adequada e direcionada para o leitor como se fosse uma extensão de mim próprio. Além disso ao escrever este livro tive a preocupação de quem o vai ler se rever em cada momento e se identificar com ele.  

Encontrei assim através da escrita uma forma mais descomplicada de comunicar com sentimento o que me vai na alma. Dar-me a conhecer “tal como sou” e me poder partilhar com quem o assim entender é a perspetiva que tenho de me afirmar numa vida simples, rodeada daquelas pessoas que mais gosto. Muito obrigado.

 Um abraço muito sentido deste amigo

Sérgio Silva                     10-06-2021